gerofuturo@gmail.com

terça-feira, 5 de abril de 2011

Velhice Bem Sucedida

“Não basta somar anos à Vida, também é preciso somar Vida a esses Anos”
John F. Kennedy

É nas sociedades desenvolvidas que se constata a vida ser mais longa. Estas têm-se preocupado para que esta seja vivida em boas condições e que o importante não seja ter mais tempo de vida mais sim que esse tempo tenha mais qualidade.
A qualidade de vida na velhice é um processo heterogéneo, que tem sido objecto de estudos por vários especialistas (BALTES e BALTES, GARFEIN e HERZOG; HAZARD; FONTAINE; FONSECA;OLIVEIRA).
No entanto, segundo (FONTAINE, 2000) existem três factores principais transversais que condicionam a velhice bem sucedida, caso não sejam devidamente respeitados:
• “Evitamento das Doenças” – Estar conscientes de que uma alimentação equilibrada e o consumo regrado de todos os alimentos é essencial para a manutenção da saúde pois assim reduziremos a probabilidade de doenças, em especial aquelas que causam perdas de autonomia;
• “Alto nível cognitivo e físico” – Manter um elevado nível funcional nos planos cognitivo e físico, é fundamental. Apesar de todos utilizarem as suas capacidades intelectuais e físicas, estas estão sempre relacionadas ás motivações de cada um nas quais é necessário investir;
• “Empenhamento Social” – A conservação de empenhamento Social está aliado a dois componentes – a manutenção das relações sociais e a prática de actividades produtivas. Destes dois aspectos depende também a qualidade de vida e a satisfação de viver.


E termino com uma citação de Roger Fontaine
“Convém de agora em diante, não só continuar a dar tempo ao tempo, mas também dar qualidade ao tempo”


Maria Antónia Calvo

Sem comentários:

Enviar um comentário