gerofuturo@gmail.com

terça-feira, 19 de abril de 2011

“ Segurança Social encerra Lar de idosos que proprietária tinha abandonado”

Resumo do artigo:
A Segurança Social encerrou na Quinta-feira, 6 de Janeiro de 2011, um Lar de Terceira Idade, conhecido como Lar da Sofia, situado no Casal Chuabo, Várzeas, no concelho do Cartaxo, que acolhia 16 idosos.
Este Lar foi fechado devido às queixas das funcionárias e dos familiares dos utentes ninguém sabia do paradeiro da proprietária do Lar.
Maria Fernanda Alves denunciou a situação do Lar onde a sua mãe se encontrava, a sua mãe fazia-lhe queixas regularmente, dizia-lhe que a alimentação não era boa, que lhe cheirava a urina e que a roupa da cama não estava em condições.
Maria Cecília diz que no Dia de Natal foi visitar a sua mãe, e que ela tremia de frio e estava tapada apenas com um cobertor de bebe e não havia aquecedores.
Nesse dia esteve apenas uma funcionária a tomar conta dos idosos todos, desde as 7 da
manha até à meia-noite.
Os Familiares que estiveram no Lar de Terceira Idade, quando foi encerrado viram que a casa de banho não tinha as mínimas condições de higiene, que os tectos estavam pretos e que nas camas existiam cobertores pequenos pouco quentes.
Maria Fernanda Alves diz que os idosos no dia anterior comeram porque uma funcionária
comprou comida e uma botija de gás com o seu próprio dinheiro.
Alguns Familiares de alguns idosos não sabem onde vão coloca-los, a Segurança Social
forneceu uma lista de nomes de Lares do Distrito de Santarém, ondes estes  poderão ser  encaminhados.
Fernanda Alves debate-se com um problema, pois não tem espaço para acolher a sua mãe.
Artigo publicado no Mirante, a 13 de Janeiro de 2011.
A minha opinião:
Na minha opinião, muitos idosos são colocados em Lares, porque os seus familiares muitas vezes não tem tempo para lhes dar atenção, não tem espaço para os ter em casa e muitas vezes o espaço não esta, adaptado a eles.
Mas a maior parte dos idosos que estão colocados em Lares, foram abandonados pelas suas famílias, ou porque sofriam de maus-tratos por parte dos seus familiares.
O  problema do abandono de idosos é um problema do século XXI caracterizado pela destruturação familiar, que empurra para situações de Exclusão “os membros mais problemáticos” da família, empurrando-os assim também para uma situação de Exclusão Social. Neste caso o “problema” é o idoso e a sua falta de autonomia impostas pela
debilidade física e mental. Por outro lado um idoso autónomo que é forçado pela família a ir para um Lar sente-se excluído e abandonado.
Excluído pela sua própria família desvalorizado como se já não tivesse nada para dar e ensinar, e como não tendo direito a qualquer reconhecimento ou apreço.
Muitos idosos não querem ir para um Lar, pois pensam que a sua família já não gostam deles, e muitos não querem deixar as suas casas porque tem lá as suas recordações e ao pensarem que vão para um Lar pensam que vão perder essas recordações e o resto da sua autonomia.
Colocar  um idoso num Lar tem pros e contras e deve ser muito bem ponderada e onde o principal interveniente, o idoso, deve ser ouvido e respeitado acima de tudo. A falta de respeito pelo idoso é o primeiro passo para a sua Eclusão.
Rita Fernandes  

1 comentário:

  1. Na maior parte dos casos o idoso não é chamado a ter opinião. Ou até pode tê-la, mas muito equivocada. Essa de "aqui é que o pai está bem" já é velha! E traduz na verdade: "agora é que nós estamos bem , sem ele lá em casa".
    Aliás quem garante que o idoso que recebia maus tratos em casa vá receber melhores tratos num lar? (isso nem sequer faz sentido).

    ResponderEliminar